Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

20/10/2015

Resenha - Gangsta - Anime


Nome: Gangsta
Nome em japonês:  GANGSTA. ギャングスタ

Informações:
Tipo: TV
Episódios: 12
Gênero: Ação, Drama, Seinen
Lançamento: 2015
Produtores: Bandai Visual, Manglobe, Frontier Works, FUNimation Entertainment
Duração: 23 min. por episódio
Classificação: +17

Sinopse: A história gira em torno de Nicolas e Worick, dois homens que assumem trabalhos na máfia e na polícia, na cidade de Ergastulum, que é uma cidade podre comandada pela máfia, criminosos, prostitutas e policiais corruptos. Eles são aqueles que pegam os trabalhos que ninguém mais quer. Certo dia, um policial que eles conhecem na cidade pede ajuda para derrubar uma nova gangue que está devastando o território em nome de uma família mafiosa. Parece que vai ser o procedimento de sempre, mas os dois aprenderão rápido que esse trabalho é muito mais complicado do que eles esperavam.


História

Quem leu as Primeiras Impressões que fiz no começo da temporada, percebeu que eu estava bem empolgada com esse anime e que tinha grandes esperanças para ele. Foi bom? Foi. Foi tudo o que eu esperava? Não. Apesar de não ter lido o mangá, sinto que ele deve ser bem melhor. A história é ótima, mas fiquei com a impressão de que muitas coisas foram mal aproveitadas no anime. Muitos elementos não foram explicados direitos, muitos personagens não mostraram tudo que eram capazes, boiei em várias partes... Não sei se foi só eu ou se mais alguém também teve esses problemas, mesmo assim, no geral, eu gostei da história.


Os três personagens principais se encontram logo no primeiro episódio, Nicolas e Worick trabalham como "detetives particulares" fazendo trabalhos para a polícia, para a máfia e todo o serviço sujo que ninguém quer, numa cidade cheia de gangues e criminosos. Eles conhecem Alex, uma prostituta que não tem mais um lugar para ficar, convidam ela para morar e trabalhar com eles e ela aceita. Colocam ela para trabalhar como uma secretária, atendendo o telefone e tal. Depois disso, muitas coisas acontecem, novos trabalhos surgem, intrigas, brigas, lutas e umas tretas nervosas. Como sempre, não vou dar spoilers, nem detalhes.


Para quem gosta de sangue e mortes, tem! Muita ação, muitas lutas e sangue jorrando. Se você curte um ecchi, tem também, mas bem básico, nada forçado ou exagerado. Tem ótimos personagens, dá vontade de conhecer eles a fundo, explorar seus passados, eles são muito intrigantes. As questões abordadas também são interessantes, tem todo um mistério rolando, você fica ansioso por respostas, por mais episódios, por mais detalhes...


Apesar de Nicolas, Worick e Alex serem os principais e revelarem uma parte do passado deles, gostaria de ter visto mais, senti que não me deram informações suficientes. Além de todos os outros zilhões de personagens que não explicaram direito. Sim, sou uma maníaca por explicações, informações e detalhes, e o anime não me deu isso. Não só sobre o passado deles, mas sobre o presente, foi tão confuso. E o futuro está totalmente em aberto! Vou tomar vergonha na cara, parar de choramingar e ir ler o mangá.

Todos sensuais ( ͡° ͜ʖ ͡°) 

Como tive dificuldade de entender algumas coisas, resolvi pesquisar e traduzir algumas para vocês. Caso queiram saber mais ou se também não entenderam direito o que estava rolando, pois haviam horas bem confusas, não pode ter sido só comigo HAUHUAHUHAUHA Enfim, se quiserem saber ainda mais, acho que só resta ler o mangá, pois o anime não teve um final muito conclusivo, e particularmente, fiquei com várias questões em aberto na minha mente. Espero que com esse post possa ajudar alguns de vocês ♥


Ergastulum

A cidade foi fundada na sequência da Guerra da Unificação (War of Unification), em 1913. Ela foi originalmente criada para manter os usuários da droga, conhecidos como Twilights, em quarentena. Em 1926, a superlotação das prisões fez com que o governo abrisse a cidade para os criminosos, independentemente de eles serem Twilights ou humanos. A cidade também se tornou um lar para os refugiados de vários países. Devido a isso, há uma grande quantidade de diversidade racial e étnica em Ergastulum.

Enquanto Ergastulum é teoricamente parte de um país maior, as forças de governo são internamente as famílias da máfia local e da aliança. Estas organizações são: Família Corsica, Família Monroe, Família Cristiano, Guilda Paulklee. Os chefes dessas quatro organizações são considerados os "Quatro Grandes Pais" da cidade.

Fonte.
Ergastulum é dividida em dez distritos.

Twilight

Os Twilights são as pessoas (e seus descendentes) que usavam a droga chamada Celebrer. A cidade de Ergastulum foi criada para abrigar e controlar os Twilights devido ao aumento deles após a guerra. Desde o nascimento, eles são registrados e controlados usando tags. Assim, eles também são conhecidos como "tagged". Os mais fortes são os S/0 e os mais fracos são os D/5. Quando eles morrem, cada registro de sua existência é apagada. Todos os Twilights possuem habilidades reforçadas devido ao uso da droga Celebrer dos seus antecessores. Eles são conhecidos por serem incrivelmente violentos e destrutivos. Muitos são mercenários contratados devido a sua eficácia na batalha.

Alguns Twilights sofrem vários distúrbios mentais e físicos, conhecidos como "compensação", que é hereditária. Junto com estas deficiências, o tempo de vida deles é drasticamente reduzido, geralmente terminando em seus trinta e poucos anos. Há mais casos de compensação com aqueles que têm uma mãe Twilight, do que daqueles com um pai Twilight. "Hagure" é o nome de uma criança que é filha de um Twilight e de um ser humano normal, eles têm uma compensação menos grave e vivem por mais tempo.

Fonte.

Celebrer

É uma droga tomado por Twilights, a fim de manter as funções corporais normais. Foi criado durante a guerra para aumentar a força, velocidade e agilidade das pessoas. Apesar de sua potência, é viciante e tóxica em doses elevadas ou repetidas. Twilights precisam de uma quantia continua e controlada de Celebrer, a fim de se manterem vivos. Se não tomarem regularmente, sofrem de abstinência, incluindo tonturas, náuseas, palpitações e enxaquecas. Os casos mais graves incluem convulsões, hemorragias, hipotermia, alucinações, dificuldade na respiração e outras irregularidades, e após um certo período de tempo, morrem. Pode ser administrado por meio de três métodos: comprimidos, injeções ou balas.

Existem dois tipos de Celebrer: Upper e Downer. Normalmente eles são tomados em conjunto para neutralizar os efeitos uma da outra. Upper atua como um estimulante, aumentando as capacidades físicas, porém reduz o tempo de vida do usuário. Quando ocorre uma overdose de Upper, os usuários ficam com os receptores de dor severamente dormentes, mas também corre o risco de causar danos aos órgãos. Downer é usado como um tranquilizante, retardando os sentidos e movimentos. Se for tomado após o Upper, pode ajudar a manter a estabilidade do corpo. Quando ocorre uma overdose, pode haver perda de consciência e danos aos órgãos.

Fonte.

Super Humanos

São descendentes dos usuários de Celebrer da guerra que não foram afetados pelos pós-efeitos ou toxinas da droga. Apesar de serem poucos, a maioria deles foram criados para se tornarem Hunters (caçadores). Ao contrário dos Twilights, os super humanos não usam tags e não parecem ser classificado de forma alguma. Devido aos seus antecessores usarem Celebrer, eles possuem recursos físicos avançados, igual ou às vezes superior, ao de um Twilight. Além disso, eles não sofrem com a "compensação".

Marco ♥

Músicas

Sempre deixei claro minha paixão pela música da abertura. Viciei muito nela ♥

Abertura:
"Renegade" - STEREO DIVE FOUNDATION

Encerramento:
"Yoru no Kuni" - Annabel


Arte

Assim como disse nas Primeiras Impressões, depois de ver tantos animes onde tudo é fofinho e brilhante, quando você vê uma arte como essa, parece que tem algo errado, mesmo não tendo. A arte e a animação do anime não são as melhores do mundo, mas estão boas, combinam com a história e estão dentro do que se espera de um anime sobre gangsters, pois não dava pra fazer com moe né. No geral, podia ter sido bem melhor, teve várias coisas zuadas e mal animadas. Teve episódios que estavam ok, mas teve uns que estavam bem fracos...

Deviam ter contratado uns estagiários para ajudar.

Vale a pena ver?

Sim, apesar dos pesares foi bom. Se rolar uma segunda temporada, vou ver com certeza!

Usei esse gif só para fechar com chave de ouro
UHAUHAUHAUHAUHUHAHUAUHA

9 comentários:

  1. Vsf o cara não era um Rank A até hoje indignado com isso, não posso aceitar, como desenvolve um personagem assim? Eu to curioso demais ;_;

    ResponderExcluir
  2. De principio, ele era bem interessante, eu via na hora que lançava. Depois (Não sei se foi comigo) ele ficou meio "chato". Não sei se foi pq eu não gosto muito desse gênero :T

    ResponderExcluir
  3. Seria interessante acrescentar no post que o estúdio MANGLOBE (o que produziu Gangsta e muitos outros) faliu, então faz sentido a animação ter decaído e aquele último episódio totalmente sem desfecho.

    Aliás, isso só mostra que uma segunda temporada não chegará tão fácil assim (só se outro estúdio comprar os direitos de Gangsta completamente).

    ResponderExcluir
  4. *w* Depois de ler isso, quero ainda mais assistir esse anime!
    Crazy and Kawaii Desu

    ResponderExcluir
  5. Esperanças de um desfecho para o anime ainda existem, se não tiver eu mesmo compro os direitos e produzo :p

    ResponderExcluir
  6. Os buracos do anime se explicam por 2 motivos: 1) 12 episódios é pouco. 2) Mangá ainda está em lançamento, o único meio do anime ter fim seria o finado estúdio manglobe fizesse um final original, algo que na maioria das vezes dá merda.

    ResponderExcluir
  7. Que chato o estúdio ter falido. Gostei muito desse anime, nunca tive contato com um anime desse gênero.

    ResponderExcluir
  8. o anime foi ótimo, quero segunda temporada <3

    cartola-magica.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. É um bom anime, tem traços originais, o que já é um baita chamariz, odeio character design ultra kawai... infelizmente se o estúdio faliu as chances de vermos outra temporada animada é praticamente nula, uma boa animação que vai ficar esquecida meio a tanta merda genérica infelizmente.

    ResponderExcluir