Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

01/03/2016

Resenha - Ore ga Ojousama Gakkou ni "Shomin Sample" Toshite Gets♥Sareta Ken - Anime


Informações
Nome: Ore ga Ojousama Gakkou ni "Shomin Sample" Toshite Gets♥Sareta Ken
Tipo: TV
Episódios: 12
Lançamento: 2015
Estúdio: Silver Link
Gênero: Comédia, Ecchi, Harém, Romance, Escolar
Duração: 23 min.
Classificação: +13

Sinopse: Em uma escola escondida, cercada por montanhas, jovens senhoritas de famílias ricas aprendem tudo o que uma mulher de classe alta precisa saber. Elas também são completamente isoladas do mundo exterior, mantendo-se protegidas e inocentes. No entanto, um problema surgiu recentemente: mais e mais garotas não estão conseguindo lidar com o mundo moderno após a graduação. Para resolver isso, foi decido colocar um garoto "plebeu" na escola.


História

Existe uma escola que ninguém tem o conhecimento da sua existência, além de famílias muito ricas. Lá, a educação é voltada apenas para garotas e o tratamento é completamente fora da nossa realidade. São como pequenas damas. O problema é que após se formarem no tal colégio, boa parte das meninas acabava levando um grande choque de realidade, não sabendo conviver com pessoas do sexo oposto, ficando com medo de multidões, da pressa do dia a dia, ou seja, não conseguiram se adaptar ao nosso estilo de vida nos tempos atuais. Por conta disso, muitas delas acabaram se trancando em casa e passaram a viver seus dias o tempo inteiro em frente a Internet. Pra resolver esse pepino, a direção do colégio, com aprovação das famílias das estudantes, traz um garoto para estudar lá. O cara tinha que ser alguém comum em todos os sentidos e, de preferência, gay, pra manter a segurança das garotas. Basicamente tinha que ser um plebeu, assim como elas o chamam. O sortudo da vez se chama Kimito e ele é o protagonista da história. Um detalhe importante a se ressaltar é que, na verdade, o Kimito não é gay. Apenas ocorreu um mal entendido nesse ponto. Caso ele contasse que é hétero, ele teria o seu bilauzinho cortado fora pela diretora. Já que, dessa forma, o garoto saberia desse grande segredo e poderia espalhá-lo mundo afora.

Fonte.

E a história segue com o Kimito mostrando para as garotas como ser plebeu e agir "normalmente", porque elas não sabem de nada do mundo moderno, elas são criadas como princesas mesmo, super formal, não sabem como andar de transporte público ou o que é um celular, elas estão completamente isoladas. É bem engraçado e divertido, principalmente para quem curte coisas do gênero. Apesar de não curtir harém e achar ecchi bem bléh, eu adorei o anime! Foi um dos mais engraçados da temporada, era absurdo as coisas que aconteciam e as reações dos personagens. Haviam cenas em que eu quase chorava de tanto rir!

Hakua, maior amorzinho da vida ♥

No geral, o anime começa de maneira bem mediana, bem clichê, mas depois fica muito engraçado. Muitas piadas boas, muita zuera, um pouquinho de romance e uns fanservices, claro. Curti bastante os personagens (não todos, mas a maioria) e apesar de serem clichês, já que o Kimito tinha que ser um personagem mais ou menos "puro", colocaram a Karen de lolicon... Tinham umas "surpresas" dessas na história. Aaaah, só de lembrar das músicas já me dá muita saudade, pode até não ter sido um anime excelente ou bem sucedido, mas eu gostei e não posso mentir. Quando lembro das partes hilárias tenho vontade de rever...


Arte

Achei a arte bem mediana, no geral ela é bonita, mas haviam horas em que a animação ficava meio zuada... É aquela coisa, não é a melhor do mundo, mas também não é a pior. Nada que impeça você de aproveitar o que o anime tem de melhor, que é a zuera e a comédia (pelo menos na minha opinião, pois os tarados de plantão vão falar que o ponto forte é o ecchi né).

Aika era super engraçada UHAUHAUHA

Músicas

Abertura:
"Ichizu Recipe" - Idol College

Encerramento:
"Twilight ni Kienaide" - Yumi Hara

Hakua amorzinho não alcança :')

Vale a pena ver?

Se você não suporta ecchi por nada no mundo, pode ser que o anime não te agrade tanto, mas se você é como eu e não se importa, ou se você gosta, certeza que é uma ótima recomendação. É um anime SUPER zuero. Para entender melhor, assistam a abertura, ela mostra um pouco do espírito do anime. Espero que assistam e deixem um comentário ♥


8 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Já assisti esse anime, e realmente muito foda kkkkk, eu ria demais nas piadas, sobre a arte, eu nunca me importei com a arte de um anime, mas sim com sua história, tanto que já assisti e adorei o anime "Ping-pong The Animation" acho que era assim o nome. Já recomendo aqui, não sei se vão gostar, porque a animação é bem zuada, mas eu gostei da história do desfecho mas enfim, sai do foco aqui :v

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ping Pong não é mal animado de forma alguma. É extremamente mais difícil manter a consistência na animação com aquele traço super distorcido e aquelas câmeras malucas do que com um traço padrão. Você pode achar feio, e aí vá lá, é gosto, mas Ping Pong é incrivelmente bem animado (e conta com uma história incrível também, adorei, assim como você).

      Excluir
    2. Eu diga uma arte zuada por estar acostumado com outros estilos de artes, tanto que o de Ping Pong foi o primeiro e único que vi com essa arte, então foi beeeeeeeeem diferente logo achei zuado, mas a história é incrível e as partes dos jogos eu achei super foda também, enfim adorei o anime kkkkkkkkk

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Parece ser muito legal e engraçado
    Echi não é o que eu gosto mais também não odeio, então vou colocar na lista

    ResponderExcluir
  5. Tem pouco ecchi e o harém demora a se desenvolver. O garoto age mais como um catalisador nas transformações nas garotas - e elas precisavam muito disso. Especialmente a Aika e a Reiko. E sim, a comédia é muito boa. Adorei o anime, escrevi resenhas de cada episódio no meu blog com prazer, muito embora ninguém estivesse assistindo nem lendo =)

    ResponderExcluir