Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

15/07/2020

O que é karuta?


Quando fiz a resenha de Chihayafuru, já sabia que muitos não entendiam o que era karuta. Enquanto eu assistia o anime e postava sobre ele no Twitter, várias pessoas me falavam que tinham interesse na obra, mas por não saberem o que era esse jogo, não assistiam com medo de não entender ou de ser chato. Não quis falar sobre o jogo na resenha do anime porquê ficaria muito longa. Então resolvi separar e fazer esse post apenas sobre o karuta.


Karuta é um jogo de cartas japonês que envolve 100 poemas. A ideia básica por trás de qualquer jogo de karuta é definir rapidamente qual carta, dentro de muitas, é aquela que é a certa e então pegá-la antes de seu oponente. Existem vários modos diferentes de se jogar, muitas localidades tem sua própria versão com sua história ou seus pontos turísticos, o próprio anime mostra algumas. Os jogos de cartas foram introduzidos no Japão pelos portugueses no século XVI. Fonte.

Honestamente, não acho que karuta seja um jogo difícil, óbvio que ele causa um estranhamento para quem não conhece o alfabeto japonês, e querendo ou não, é algo bem diferente e a grande maioria de nós nunca teve contato com o jogo antes, então parece super complicado e de outro mundo. Mas depois que aprendi as regras, achei o jogo bem simples. O mais complicado na minha opinião é decorar os 100 poemas em japonês!


Há dois tipos básicos de cartas usadas em karuta. O primeiro é o yomifuda ou "cartas de leitura", e o outro é o torifuda ou "cartas de pegar". Assim que as palavras da yomifuda forem lidas os jogadores terão que a achar a torifuda associada a ela e pegar a carta antes que os oponentes o façam. Há dois sets em um jogo de karuta:

Yomifuda (carta de leitura): são 100 cartas, que incluem a figura de um poeta e um de seus poemas tanka (5-7-5-7-7 sílabas).

Torifuda (carta de pegar): também são 100 em um set, com apenas as últimas frases do poema tanka (as últimas 7-7 sílabas).


Regras

Karuta competitivo é um jogo um contra um, também tem um leitor e um juiz. Das 100 cartas torifuda, 50 são selecionadas aleatoriamente e cada jogar pega 25 também aleatoriamente e as colocam em três fileiras no seu território. O espaço entre cada fileira é de 1 cm. O território de um jogador é o espaço na frente dele e tem 87 cm de largura. As cartas do seu oponente e as suas são separadas por uma distância de 3 cm.

Depois de pegar as cartas, cada jogador escolhe a posição onde quer colocar cada uma e esperam 15 minutos para memorizar todas as cartas e seus respectivos posicionamentos, e nos dois minutos finais, pode-se praticar movimentos para pegar as cartas.


O jogo começa com o leitor recitando um poema introdutório, que não faz parte dos 100 poemas. Essa leitura é para os jogadores se familiarizarem com a voz do leitor e seu ritmo de leitura. Logo após este primeiro poema, se lê um dos 100 yomifudas. 50 destes estão em jogo com seus respectivos torifudas, enquanto os outros 50 que também são lidos, mas não estão em jogo, são conhecidos como karafuda (carta morta).

O primeiro jogador que tocar a torifuda certa pega a carta para si e a tira de jogo. Quando um jogador pegar uma carta no território do oponente, ele pode passar uma de suas cartas para o adversário. Se ambos os jogadores tocarem a carta ao mesmo tempo, a carta vai para o jogador cujo território ela está. O jogador que se livrar de todas as cartas de seu território, vence. Fonte.


Basicamente os jogadores vão escutar alguém lendo um poema, e pelo começo do poema você tem que escolher a carta que tem o final do mesmo poema. Basta você saber o poema inteiro e quando escutar o começo sendo lido, pega a carta que contém a parte final daquele poema. Precisa de foco, rapidez, muita concentração e agilidade!

Tem um canal no Youtube em português chamado KarutaBrasil, onde ensinam a jogar. Então se mesmo lendo aqui você ainda ficou confuso, pode tentar assistir o vídeo para ver se fica mais claro. Se você souber inglês e pesquisar por "karuta", vai encontrar muito conteúdo, tutoriais, histórias, explicações, competições... Recomendo ver vídeos de jogos reais da vida real! É bem legal! O anime é bem realista, mas caso tenham interesse, tem filmes live action de Chihayafuru também!

Existem mais regras e diferentes tipos de faltas que podem ser cometidas, mas não quis escrever algo complicado com muitos detalhes, minha intenção era fazer algo simples para ajudar as pessoas a entenderem o básico e acabar com esse estranhamento que impede muitos de verem o anime. Quando assisti Chihayafuru, não fazia ideia do que era esse jogo, mas aprendi com o próprio anime. Aos poucos eles vão explicando, mais detalhes vão sendo mostrados, você acompanha os jogos e acaba aprendendo enquanto assiste. É bem simples e gostoso, não é um anime maçante ou cansativo, eles mostram tudo de um jeito muito fácil de ir aprendendo. Enfim, espero ter ajudado vocês a entenderem um pouco mais sobre karuta!

Nenhum comentário:

Postar um comentário