Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

21/09/2016

Resenha - Amaama to Inazuma - Anime


Informações
Nome: Amaama to Inazuma
Tipo: TV
Episódios: 12
Lançamento: 2016
Estúdio: TMS Entertainment
Gênero: Comédia, Seinen, Slice of Life
Duração: 24 min.
Classificação: +13


Sinopse: Inuzuka é um professor que tem cuidado de sua filha, Tsumugi, desde a morte de sua esposa. Ele não é bom na cozinha, então ele e sua filha têm comido muita comida pronta/congelada. Uma série de eventos o leva à um restaurante administrado pela mãe de uma aluna, Kotori. Como sua mãe nunca está presente, desde que seus pais se divorciaram, Kotori dá o seu melhor para cozinhar. Agora, esses três passarão a se encontrar e cozinhar juntos.


História

No começo da temporada, quando estava escolhendo os animes que iria acompanhar, tinha amado a arte desse aqui, mas quando fui ver a sinopse fiquei com um pouco de medo. Todo mundo sabe que os japoneses fazem umas bizarrices nos animes, então pensei que ia dar ruim um pai solteiro que é professor e uma aluna, mas graças ao bom universo, no anime não rola nada ilegal. É super amorzinho e super família! O Inuzuka é um bom pai e um bom professor, respeita muito a filha e a aluna, e rola uma amizade muito bonita entre eles, sem segundas intenções. É um anime puro!


O anime vai acompanhar o dia-a-dia do Inuzuka com sua filha Tsumugi, e as aventuras culinárias que eles fazem com a Kotori, que é uma aluna na escola onde Inuzuka é professor. A mãe da Kotori tem um restaurante, mas ela está sempre ocupada com outro emprego, então eles usam o restaurante para cozinhar e passar um tempo juntos. E é basicamente isso. É um clássico anime de cotidiano, não tem grandes reviravoltas, é um anime calmo e confortável. Amorzinho!


Na sociedade japonesa, pelo menos é assim que é mostrado nos animes, imagino que seja igual ou bem parecido na vida real, o lance de o pai trabalhar e a mãe ficar em casa cuidando dos filhos e do marido é bem forte. Sempre vejo que as funções são bem divididas entre o marido e a mulher. Só que nessa história, a esposa faleceu, deixando o marido sozinho com a filha. E o anime vai mostrar esse pai tentando fazer seu melhor para sua casa e sua filha. Ele é bem esforçado, mesmo trabalhando, ele sempre procura estar presente nas atividades escolares da Tsumugi, ele passa um tempo com ela, e agora está aprendendo a cozinhar, para a alegria (e saúde) da filha, que não aguentava mais comer comida pronta de mercado. Ele ainda tem muito o que aprender, pois tem certos detalhes que só a mãe sabia, mas é legal acompanhar ele se esforçando!


Arte

Ultimamente tenho curtido muito os animes desse estúdio, a arte e a animação são bonitas, tudo é sempre brilhante e colorido. Em Amaama to Inazuma também gostei bastante, acho esse tipo de arte super agradável e relaxante. Os cenários tinham detalhes e eram bem feitos, os personagens também foram caprichados, sempre brilhantes, especialmente a Tsumugi, que é a coisa mais fofa dessa temporada! Os alimentos também foram bem feitos, eram bem realistas e alguns pratos me deixavam realmente faminta! Não reparei em defeitos, achei tudo muito bom.


Músicas

Abertura:
"Harebare Fanfare" - MimimemeMIMI

Encerramento:
"Maybe" - Brian the Sun


Vale a pena ver?

Se você gosta de animes fofos, com histórias fofas, arte fofinha, músicas super fofas e personagens mais fofos ainda, sim! Se você procura um anime com grandes reviravoltas e histórias super loucas, não. É aquele esquema, ele é um Slice of Life, é um anime de cotidiano, tem gente que curte, tem gente que não. Particularmente, eu amei, recomendo e quero mais! Foi super fofo e relaxante de assistir. Espero que vocês também vejam e gostem! <3

Assistam pela Tsumugi ;)

9 comentários:

  1. Eu gostei, é legalzinho. Em relação a essa coisa de pai solteiro e filha o pessoal sempre mencionava Usagi Drop, então fui conferir, e é um anime melhor ainda para quem gostou desse - só não vai ter a parte da comida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E para quem for ver esse anime (Usagi Drop) e acabar de assistir e querer saber como termina a história no mangá, é melhor só ficar na curiosidade mesmo (Sério, só assistam o anime)

      Excluir
    2. Fiquei sabendo, mas não sei se é verdade, que tem pedofilia nele... Nunca vi e nunca li, e honestamente, pelo que me falaram, nem pretendo :/

      Excluir
    3. Isso aí é coisa do mangá, pelo que sei. Assim como a Isabelly falou, todo mundo que me falava sobre Usagi falava para ver SOMENTE o anime, que nele a história está de bom tamanho, e só na segunda metade do mangá que a autora levou o plot pruma direção polêmica.

      Excluir
  2. Ai genteeeeeee, que fofuuuura! :O
    amei a indicação, vou fazer meu namorado ver comigo :3
    hahahaa
    Seguindo o blog! <3


    www.generoproibido.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Mas ó..O Blog e eu acompanhando os mesmos animes!!! Quilegal!!!
    Bem, não tenho muito a acrescentar ao que o Blog comentou...Só que note que interessante o confronto do Pai (viúvo) zeloso e a Mãe negligente...É um belo, confortante e esclarecedor anime sobre essa coisa que chamamos familia...

    ResponderExcluir
  4. Mas ó..O Blog e eu acompanhando os mesmos animes!!! Quilegal!!!
    Bem, não tenho muito a acrescentar ao que o Blog comentou...Só que note que interessante o confronto do Pai (viúvo) zeloso e a Mãe negligente...É um belo, confortante e esclarecedor anime sobre essa coisa que chamamos familia...

    ResponderExcluir
  5. O começo de Usagi Drop é bom, o final que ficou horrendo.

    ResponderExcluir