Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

24/10/2020

Resenha - Over The Moon - Outros

Informações
Nome: Over The Moon
Episódios: 1
Lançamento: 2020
Estúdio: Netflix Animation Studio, Pearl, Sony Pictures ImageWorks 
Gênero: Aventura, Comédia
Duração: 1h 35 min.

Sinopse: O filme acompanha a saga de uma jovem que constrói seu próprio foguete para viajar para a lua a fim de provar a existência de uma lendária deusa.

História

Over The Moon é um filme que estava muito ansiosa para assistir, afinal o trailer era belíssimo e toda gente no Twitter não parava de falar desta obra tão promissora. A historia é sobre a jovem Fei Fei, uma garota cheia de energia com um grande interesse no espaço, em particular na lua que se vê num dilema quando o pai volta a apaixonar-se.

Logo do início o filme demonstra-se bonito e emotivo, mas admito que fiquei um pouco preocupada pois o tema do filho que faz de tudo para não aceitar os padrastos já está mais que usado, especialmente nestes filmes mais infantis. Felizmente a minha preocupação foi realmente em vão, apesar de sim no início dar muito aquele sentimento de familiaridade, conforme a trama se vai desenrolando vamos observando o toque especial de Over The Moon. 

Para começar Fei Fei é excelente, ela sente-se conflituosa perante a situação em que se encontra, mas nunca chega a ser aquele personagem chato e desnecessariamente mauzinho só porque sim. Eu realmente gostei muito da protagonista, especialmente quando ela partilha a tela com Chin, o seu novo irmão. 

Chin foi outra surpresa, no início da muito o ar de miúdo bobo e traquina, mas demonstra-se uma criança fofa e com um grande coração. A evolução do seu relacionamento com Fei Fei é uma das coisas mais belas do filme. 

Mas se houve uma personagem que me conquistou e me deixou vidrada na tela cada momento que aparecia, é a deusa da lua Change, não vou comentar muito para não dar spoilers mas permitam-me dizer que ela é fenomenal! É uma personagem bem complexa a nível emocional e com uma energia viciante, sai do filme completamente apaixonada. 

Tudo isto obviamente é complementado pelo mundo apresentado, a história foca imenso na cultura chinesa e a maneira como a representaram é extremamente bela, desde as varias canções aos visuais tudo está repleto de amor e carinho pela mesma. 

Admito que não consigo encontrar bem as palavras para abordar este conto, não porque não me tenha impressionado, mas porque ele é simples e a simplicidade é onde ele brilha. É uma história focada no sentimento de perder alguém e aprender a seguir em frente,  não existem grandes narrativas épicas ou confrontos intimidantes, apenas pessoas a lidar com a morte e aprender a amar outra vez.


Animação

Um sentimento que se prevaleceu bastante enquanto assistia era que o filme assimilava-se muito ao conteúdo que estamos habituados a receber da Disney, algo perfeitamente normal quando investigamos um pouco do diretor por detrás da obra. 

Glen Kean é um excelente artista com 47 anos de carreira, dos quais a maioria foram passados como designer de personagens em Walt Disney Animation. Ele é o responsável por criar personagens icónicos como Ariel, Aladin, Tarzan, etc. Assim como pela realização da curta-metragem Dear Basketball de 2017. 

Com uma mente tão brilhante por detrás não é de espantar que o filme seja tão bonito, apesar de não me ter deixado assim deslumbrada e obcecada com o estilo, não podemos negar a incrível qualidade. Tudo é bem detalhado e cheio de vida, algo que segue bem a filosofia do diretor em representar o que os personagens sentem em vez do que eles estão a fazer. 

Mas se ouve um elemento que deveras me captou foi a iluminação, a dada altura os nossos heróis vão numa pequena aventura e as criaturas presentes no seu destino, alias o próprio destino em si! São repletos de cores exuberantes e chamativas, da mesmo aquele toque de magia e sobrenatural. É puro e simplesmente lindo. 

Antes de terminarmos está parte da resenha queria deixar um agradecimento a Audrey Wells, roteirista, que infelizmente faleceu durante a produção da longa-metragem. A história é realmente bonita e Glen Kean já falou diversas vezes sobre o impacto que a mesma teve sobre a mesma, que ela descanse em paz sabendo que o seu ultimo trabalho foi um sucesso. 

Vou deixar uma qcitação de uma entrevista com Glen Kean onde ele fala sobre a experiência de trabalhar com Audrey Wells. Tem um leve spoiler nade de mais, mas se quiserem ir as cegas recomendo ler depois do filme, fica o link da entrevista que no geral é muito interessante:

"The last conversation I had with her was actually sitting on this couch right here. She was sitting at the end near the window, I don’t know if you can see the Hollywood sign out there. But she’s sitting there and I’m sitting on the other end, and we were talking about the dreamlike world of going to Lunaria. And I said, “Yeah, I mean, Fei Fei comes back from a dream.” And she said, “No, she doesn’t. It’s not a dream. You really see, it really happened.” I said, “So, okay, so when Dorothy comes back from Oz, that’s a dream.” She said, “No it isn’t…you think it was!? No, this really happened!” And there’s this wonderful childlike sparkle in her eyes. She was just months away from passing away, but there was this energy and joy in making it so real because this is message with weight, and it’s not a fantasy. There’s truth and roots to this that we have to communicate. So I determined, okay, I will make sure, in directing this movie — and we both agreed — that I would not favor one side over the other, but keep it very much razor’s edge. You can choose. And there’s little hints either way that you can pick up and go with your own belief." 

Pessoalmente gosto de acreditar que foi real, mas partilhem a vossa opinião. 

Músicas

As canções são bem bonitas! Não me vejo a ouvir constantemente como por exemplo as músicas do Frozen, mas enquadram-se perfeitamente no filme e dão toda uma outra camada de emoção a narrativa. 

Vale a pena ver?

Sim! Eu adorei o filme, deixou-me com enorme sorriso no rosto e alguns momentos foram tão divertidos que voltei várias vezes para rever. 

8 comentários:

  1. Fazendo um NSP recomenda reverso queria recomendar o filme de animação "Another World" pra vcs do blog. Acompanho as plataformas do NSP desde 2016 mais ou menos, com altos e baixos no quanto eu me dedicava a isso mas tô tentando voltar um pouco à ativa agora. Enfim, se puderem assistir e fazer review ou quem sabe até mesmo recomendarem pro publico geral no formato padrão aqui do blog se gostar. Eu acho que é uma obra muito boa mas injustiçada pq ngm fala sobre ela :'(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não encontrei nenhuma animação com esse nome... Tem certeza que é isso mesmo?

      Excluir
    2. Tem um filme de 2019 chamado Hello World, é esse? Ele tem um spin-off chamado Another World que são 3 ONAs.

      Excluir
    3. Esse mesmo, é relacionado. https://myanimelist.net/anime/40295/Another_World

      Excluir
    4. Veja o filme primeiro, o spin-off é meio repeteco do filme com no máximo uns detalhes diferentes

      Excluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir