Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

31/03/2016

Resenha - Boku dake ga Inai Machi - Anime


Informações
Nome: Boku dake ga Inai Machi
Tipo: TV
Episódios: 12
Lançamento: 2016
Estúdio: A-1 Pictures
Gênero: Mistério, Psicológico, Seinen, Sobrenatural
Duração: 23 min.
Classificação: +17

Sinopse: A história gira em torno de Satoru, um mangaká que tem uma habilidade sobrenatural que o faz voltar no tempo para evitar acidentes e mortes. Certo dia, ele se envolve em um caso que o incrimina como assassino. Desesperado para salvar a vítima, ele volta no tempo, mas acaba voltando para quando era um aluno do fundamental, um pouco antes de sua colega de classe Kayo desaparecer. Agora Satoru quer salvar Kayo, resolver o mistério de seu desaparecimento e descobrir quem é o verdadeiro culpado pela morte que o incrimina.


História

Havia dito nas Primeiras Impressões do anime, que o mangá estava em lançamento, mas ele foi finalizado enquanto o anime era lançado. E segundo minhas fontes, o anime adaptou todo o mangá, cortaram bastante coisa para poder caber tudo nos 12 episódios, mas no geral, o enredo foi o mesmo. Caso tenham me informado errado, me avisem nos comentários, por favor!


A história começa muito bem, foi muito marcante desde o primeiro episódio. Gostei da apresentação do Satoru e do seu "poder", juntamento com os outros personagens e o próprio enredo. É complicado explicar a história sem dar spoiler, mas a sinopse diz bem do que se trata. É um anime onde o protagonista volta no passado para resolver um mistério e salvar vidas. Enquanto acompanhava o anime, passei semanas criando teorias com meus amigos, debatendo sobre o que a gente achava que ia acontecer, e foi tudo muito bom! Apesar dos episódios finais terem me deixando com a sensação de que foi corrido demais, no geral o anime foi ótimo!


Mas fica aquele final meio aberto para sua imaginação. O que não gosto muito, preferindo fechamentos mais completos. Mas como o autor pretende voltar com a obra em julho, faz sentido ele deixar tudo meio aberto, para que ele possa trabalhar tanto histórias do passado quanto do futuro, no spin-off chamado "Boku dake ga Inai Machi Gaiden".

Fonte.

CUIDADO! SPOILER!

Se tivesse que reclamar de algo, uma das únicas coisas que me incomodou, foi o fato de não explicarem como ele sobreviveu depois que o professor deixa ele lá morrendo dentro do carro no lago. No mangá explicam que uma mulher estava passando por ali e o resgatou, mas como ele já estava muito congelado e o cérebro foi muito afetado, então mesmo conseguindo impedir que ele morresse, ele ficou em coma. No anime nada disso é mostrado, e não gosto quando não explicam as coisas e deixam aberto demais, nos obrigando a apenas deduzir o que rolou.

Eles cortaram todo o background do professor que seria quase 1 episódio inteiro. Deixaram só uma história rapidinha com ratos, que não explica como ele criou o hábito de cometer crimes e armar para outras pessoas levarem a culpa. A importância da Airi para o protagonista, que soa muito forte no mangá, também se perdeu ao cortarem a participação dela no anime.

Fonte.
FIM DO SPOILER!

MELHOR MÃE! ♥

Arte

Desde o primeiro episódio houveram cenas lindas! E diferente de outros que vi, onde vai chegando nos episódios finais, o prazo vai acabando e eles começam a fazer tudo de qualquer jeito, em Boku dake ga Inai Machi tudo se manteve fantástico! Inclusive no último episódio mesmo, teve cenas lindíssimas! Gostei do design dos personagens, das cores, da ilumanição, dos cenários... Achei tudo muito bem feito! A arte e a animação estavam demais!


Músicas

Abertura:
"Re:Re:" - Asian Kung-Fu Generation

Encerramento:
"Sore wa Chiisana Hikari no Youna" - Sayuri


Vale a pena ver?

Sim. Mesmo o anime sendo bem resumido, é muito bom! Se formos comparar todos os animes com seus mangás, a obra original quase sempre acaba sendo melhor e tendo mais informações. Mas de forma isolada, gostei bastante do anime e recomendo para todo mundo! ♥


24 comentários:

  1. Vi várias pessoas comentando que se decepcionaram com o vilão sendo EXATAMENTE quem elas achavam que seria, mas honestamente, não achei isso ruim, pois ele sempre foi um dos principais suspeitos, só que quando está muito na cara que alguém é culpado, eu sempre acabo imaginando que eles (o pessoal que faz o anime) fizeram isso para nos enganar e despistar o verdadeiro criminoso, então mesmo quando é óbvio que o cara é culpado, eu nunca acho que ele é realmente ele, e sempre me surpreendo na hora da revelação. Mas isso é algo meu, obviamente nem todo mundo pensa assim...

    E o que adoro em animes de mistério, é tentar resolver o caso, descobrir quem é o culpado, pois sempre tem alguns personagens que são muito suspeitos, então você acha que ele não é o culpado de verdade, mas pode ser um deles, ou pode ser alguém que você suspeitou pouco ou nem suspeitava! Se tem algo que eu aprendi com Scooby-Doo, é que às vezes o culpado nem é apresentado na história, então tudo é válido e eu suspeito de todo mundo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiquei desse jeito também! Eu sempre suspeitei do professor, mas era tão na cara que eu falava "Não deve ser esse cara, é impossível ser tão óbvio!"

      Excluir
    2. porra que spoiler é esse. precisava falar que era o professor nao. a mônica falou sem precisar falar quem ai vem o jumento e fala

      Excluir
    3. Você tem conta no animes amino ? http://aminoapps.com/p/zq42s

      Excluir
  2. Se eu fosse apontar defeitos, seriam o ritmo arrastado que o anime assumiu depois de salvar a Kayo e a falta de caracterização do assassino, que acabou como um personagem raso. E as duas coisas são relacionadas: tivessem gasto melhor esse tempo dos episódios arrastados poderiam ter desenvolvido melhor o assassino ao invés de continuar fingindo que ninguém sabia ainda que era ele. E poderia melhorar também o que você achou ruim sobre o final ter parecido apressado (acho que foi súbito, rápido, mas não necessariamente apressado).

    Só por esses problemas que ele perdeu para mim o posto de melhor anime da temporada para Rakugo Shinjuu. Ainda assim é um excelente anime, recomendadíssimo!

    Outros dois defeitos que você apontou não me incomodaram. Nem acho que foram defeitos. Sobre ter faltado explicação para o Satoru ter sobrevivido, bem, era um dado que àquela altura ele sobreviveria. Eu cheguei a cogitar a hipótese de BokuMachi terminar como uma tragédia, mas aquilo ainda não era o fim, então ele ainda não poderia morrer mesmo se fosse o caso. E não é como se uma mulher aleatória aparecer naquele fim de mundo esquecido por deus naquele horário e ver um carro afundando em um rio longe da estrada fosse uma explicação mais do que apenas conveniente. Não sinto falta de ver isso no anime. Fora que não ver ele sendo socorrido permitiu ao anime ter aquele início de episódio super tenso com a mãe dele, enquanto eu ficava aqui me perguntando onde ele estaria, o que teria acontecido, se o anime teria tido a ousadia de realmente matar o protagonista antes do fim, até que finalmente ele apareceu. Foi uma cena forte, emocionante. E sobre o final "aberto", eu não acho que tenha sido aberto. Foi uma história sobre o Satoru salvar seus amigos e aprender mais sobre relacionamentos humanos, e assim ser mais feliz e ter mais sucesso, e o anime terminou exatamente nesse ponto - tanto que até apareceu a borboleta da viagem no tempo como que a marcar que aquele era o fim, era o instante em que ele havia voltado à linha do tempo original, de onde ele tinha saído antes. A partir dali é uma nova história =)

    ResponderExcluir
  3. Este anime tam bastante semelhanças (não são exatamente semelhanças e sim coisas que fazem lembrar MUITO) ao jogo Life is Strange - pelo menos o primeiro episódio, pois não vi mais que isso. Tem como por exemplo a borboleta azul e uma garota desaparecida. Espero que alguém que jogou o jogo completo possa complementar o que estou dizendo.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Raul, também tive essa mesma percepção! O primeiro episódio, principalmente, foi o que me instigou a ver o restante do anime por conta das semelhanças com o jogo. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você viu o jogo completo ? Se sim poderia dizer se continua muito parecido um com o outro até o fim, ou só fica no primeiro episódio mesmo. Obg >.<

      Excluir
  6. Raul, também tive essa mesma percepção! O primeiro episódio, principalmente, foi o que me instigou a ver o restante do anime por conta das semelhanças com o jogo. :)

    ResponderExcluir
  7. Incrível o anime,a musica de abertura e encerramento ficaram(em minha opinião) muito boas (adaptadas) para o anime.O final...Eu admito,não terminei de assistir ainda,estava esperando terminar para assistir mas aí nesse periodo fui assistir outros animes que minha irmã estava me enchendo o saco pra assistir(por exemplo: Prison School,e gente...É estranhamente legal 0-0 )
    Mas! Agora que concluiu no app do Giga,vou tirar vergonha da cara e vou terminar e MANO! TU VIU O EPISÓDIO DE BOKU NO HERO? MDS,quase chorei de felicidade ao ver animado :'D
    É tão bom ver seus mangás favoritos serem animados e não ficarem uma merda :3

    ResponderExcluir
  8. Eu queria assistir ele, mas na época não me deu vontade, tipo eu já estava acompanhando uma tonelada de animes e mangás, ele tá lá na minhas lista mofando, qualquer dia eu pego pra assistir ele vi várias pessoas falando bem como várias falando mal obviamente, ótima resenha não li tudo por causa dos spoiler avisados ali kkkk

    ResponderExcluir
  9. Com toda certeza um dos piores pedaços de bosta que eu já vi.

    Só podia ser da A-1 Pictures.

    ResponderExcluir
  10. Muito bom,so falta 2 episodios para eu terminar.

    ResponderExcluir
  11. Muito bom,so falta 2 episodios para eu terminar.

    ResponderExcluir
  12. Eu acho q foi um anime meio corrido, sem mts detalhes e tal, como o caso de não contar o que aconteceu no carro quando ele caiu no lago, ou a crônica do assassino, mas no geral é um anime mt bom, do qual eu recomendo. Mesmo assim ainda n é dos melhores...

    PS.: Odeio spoiler nos coments tbm (nesse caso descobri q o assassino era o professor em um comente, ai fiquei puto mais ta tranquilo)

    ResponderExcluir
  13. O problema de adaptações com em média 13 episódios é justamente a falta de detalhes que ocorreu no caso de Boku Dake ga Inai Machi. Não cheguei a ler o mangá ainda, mas pelo que tenho visto, ficaram faltando aspectos importantes, pra não dizer cruciais. Inclusive na obra original explicaram a origem e o destino final do assassino, como já dito no post. E eu fiquei tipo, WTF, como não esclareceram isso na animação?????
    Ainda assim, esse anime me impressionou. E muito. Conseguiu ter impacto sobre mim. Combinou muito bem as cenas com as músicas, o que causou um efeito sensacional. A cena da suposta árvore de Natal e aquela de quando Fujinuma chega na sala de aula no fim do primeiro revival e vê que Hinazuki não está lá, essas são minhas cenas favoritas.
    Boku Dake ga Inai Machi conseguiu emocionar sem partir pra apelação, e conseguiu manter o suspense (mesmo eu sabendo quem era o assassino, porque tomei um spoiler já nos primeiros episódios,paia). Foi uma história muito bem conduzida. MENOS pelo final. Prefiro fingir que aquele último episódio não existiu. Não que ele tenha sido tosco ou ridículo, apenas não gostei. Mas não foi o suficiente para estragar o anime ,que , no geral, é ótimo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua imagem de perfil é igual a minha, kkkk. Amei Charlote por sinal.
      Boku Dake foi muito bom do começo ao fim, apesar de eu ter ficado um pouco incomodado pelo fato do assassino ser quem foi. O final foi bom sim cara.

      Excluir
  14. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  15. Nos últimos 3 episódios eu quis quebrar a tela do computador. Me arrependi muito de ter visto eles, eu preferia ter parado e bolado minhas próprias deduções sobre final.

    SPOILER

    [spoiler] Até o episódio onde o Satoru é jogado no lago (desculpe, não lembro qual foi, por isso o spoiler) foi o melhor anime que já vi na história da minha vida mas, não sei se é culpa de eu ser fã de shoujo, eu fiquei insanamente decepcionada quando notei que a garota na qual a história inteira se focou na verdade não era a protagonista. A menina simplesmente surgiu grávida! O que acontece com o meu shipp então?! Eles eram um casal maravilhoso, eu quis muito chorar! Até agora não acredito que eu pareço ser a única extremamente decepcionada com isso! [/spoiler]

    FIM DO SPOILER

    Não é que a história nos três últimos episódios tenha sido ruim, aliás, assim como o resto foi muito bem bolada e a pressa da história foi a última coisa que me incomodou. Eu simplesmente não entendi porque as coisas aconteceram daquela forma. Porque a Airi como protagonista? Eu duvido que lendo o mangá eu encontraria uma utilidade importante pra ela na história.

    Apesar disso eu me senti extremamente emocionada com a história e, no episódio onde a Hinazuki toma café da manhã na casa do Satoru (quem assistiu sabe a razão) eu chorei de alegria pela primeira vez na minha vida. Me senti tão feliz por ela que minha vida pareceu completa, eu quis abraçar a tela do computador. Essa cena e a cena, a cena da "árvore de natal" e a cena onde os dois estão no ônibus (eu dei pulinhos com o rosto corado do Satoru) foram as que mais me marcaram (positivamente) e as cenas mais pesadas (aquela que te faz odiar certos personagens) eu não posso contar ou vou quebrar o teclado no processo. Um grande anime, mas o final da história, no anime e mangá, me deixaram muito a desejar ao ponto de eu me arrepender de ver.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm fiquei decepcionado com o lance da kayo, mas essa revelação do nada, que fez eu virar fã dessa obra. Clichê 0.

      Excluir
    2. O lance da Airi ser relevante, me contaram que é melhor explicado no manga, mas não posso afirmar pois não li.
      SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER
      SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER SPOILER






      Tem um manga que conta o que aconteceu com os amigos do Satoru quando ele ficou em coma.



      FIM DO SPOILER
      ACABOU O SPOILER

      Excluir