Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

22/03/2019

Bulb Boy


Aproveitando que a Mónica me deu um pouco de liberdade para falar de outros tópicos que não sejam anime (não se preocupem anime será sempre o foco principal) decidi falar de um indie que joguei recentemente.

Bulb Boy é um jogo sobre um rapaz lâmpada que certo dia vê o seu avo a ser raptado por uma bola de escuridão, a partir dai é função do jogador ajudar este jovem a explorar este mundo arrepiante na busca do seu ente querido.

A jogabilidade apresentada aqui é muito simples, temos diversos cenários 2D onde controlamos Bulb e temos como objetivo através do famoso “point and click” resolver diversos puzzles.


Os mesmos não são muito difíceis havendo apenas um ou outro que realmente nos fazem puxar pela cabeça, mas o que os tornam realmente interessantes são os visuais e inimigos escolhidos. O cenário aterrador não passa duma casa cheia de criaturas bizarras como um frango daqueles que se compra no supermercado ou o excremento que ganha vido depois de se aliviarem na casa de banho, este fator tornou a exploração deste mundo super divertida especialmente porque nunca sabemos com que criatura nos depararemos a seguir.

Outro fator interessante é o Bulb em si, este jovem fofinho é uma lâmpada e por consequente consegue desenroscar a sua cabeça do corpo, abrindo assim asas para um leque de puzzles que tiram partido desta habilidade característica.


No fim Bulb Boy é um jogo simples com uma boa componente sonora e visual que pode ser completado em 2/3 horas,  o mesmo também não é muito caro e na Nintendo Switch, plataforma na qual o joguei, está sempre em promoção.
Se procuram um indie divertido e que não ocupe muito do vosso tempo é sem duvida uma obra a ter em conta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário